7 de junho de 2006

Home made trailer

1


2


3

6 comentários:

Miaua disse...

Digam lá se eles não têm cara de pais babados???
Ana estás linda... tenho mesmo que te fazer uma visita...

Bjs

Anónimo disse...

Tratam-se de imagens inéditas de um documentário que, não só tem assombrado a comunidade ciêntifica, como tem causado um fortes críticas dos sectores mais conservadores da sociedade.

O documetário acompanha a reprodução de uma espécie, transparecendo nele momentos de grande ternura, mas também de uma selvajaria digna de outro temas do género dos quais permitam-nos referir o "holocausto canibal" bem patente no terceiro fotograma que nos dão a conhecer.

O documentário tem início com o acasalamento que decorre na água, onde o macho persegue a fêmea e a agarra pela cauda.

Os detalhes reprodutores não são claros mas pensa-se que a cauda do macho cauda é achatada e larga, servindo como zona de armazenamento de gordura.


O macho é menor do que geralmente se pensa. As fêmeas são menores que os machos e os jovens têm cerca de 85% do tamanho adulto quando atingem a independência

Os tornozelos dos machos apresentam um espinho córneo, oco e apesar de ter pêlo, tem um sistema reprodutor semelhante aos dos répteis e aves.

O macho adopta grande agressividade com a fêmea, que muitas das vezes adormece no sofá.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Ana Pacheco disse...

Ai cromo...

cloinca disse...

Ih, ih... esse anónimo tem uma imaginação fértil!!
Tou a ver que o papá babado já está a cumprir bem o seu papel e a dar miminhos na barrida da mamã!
Muito bem!
beijinhos para ti,
Cláudia

Anokax disse...

Gostei especialmente da ultima ;P
Muitas Bjokax