16 de maio de 2008

Marionetas gore


Hoje fomos ver esta peça de teatro. Não sei bem que avaliação fazer. Eu e o Paulo olhámos um para o outro no final e trocámos aqueles sorrisos cúmplices de quem não tinha percebido grande coisa. Foi no mínimo, diferente (da normalidade das minhas noites nos últimos tempos). Não se digere tudo de um trago. Estou em casa e ainda estou a pensar naquilo. Não é uma peça de teatro de marionetas "tradicional". É bonita sem ser agradável. É elaborada e densa. Domingo volto com a Teresa e espero encontrar outras personagens, não desfazendo.

1 comentário:

mimiko disse...

Têm um ar um cadinho assustador...
Bjos