28 de abril de 2006

Papel e Lápis de Teresa Lima

Já que estamos em maré de ilustração, eis um bom tema para inaugurar uma nova secção: "Papel e Lápis".

Começo com Teresa Lima. Uma das minhas ilustradoras preferidas e que é cá da terra!

Não querendo divagar demasiado sobre o que define a sua biografia, saliento apenas que foi Prémio Nacional de Ilustração em 1998 (Alice no País das Maravilhas, Ed. Civilização) e foi nomeada para a Lista de Honra da IBBY (International Board on Books for Young People), uma organização não governamental, com sede na Suiça.

O que me atrai em particular no seu trabalho, é a sua vertente romântica espelhada na introspecção das suas personagens, nas sombras, nas próprias cores e na fragilidade intencional do traço. Acompanhando a natureza lúdica da ilustração infantil, Teresa Lima "descarrega" esse característico traço de romantismo, a roçar a nostalgia, que consegue viver sem abafar a diversão nos seus desenhos.

Os trabalhos de ilustração como os de Teresa Lima provocam um fenómeno curioso e muito positivo: o alargamento do target dos livros infantis ao universo adulto. Mas este é um assunto para ser desenvolvido ao longo dos próximos "Papel e Lápis". Não percam!

Onde encontrar as suas ilustrações:

Alice no País das Maravilhas, Ed. Civilização
A Cavalo no Tempo, Ed. Civilização
A cor das Vogais, Ed. Civilização
Segredos, Ed. Desabrochar
Língua Portuguesa 7, Texto Editora
Se os animais de vestissem como gente, Ed. Civilização

1 comentário:

JP disse...

Finalmente voltastes ao activo!